domingo, 17 de fevereiro de 2008

Caminhos...

A vida tem seus caminhos predeterminados
Ou escolhemos o caminho a seguir???
Há controvérsias nessa questão

Tem horas que parece que todo acontecimento
Te leva a um caminho inevitável

Mas há momentos que as escolhas que fazemos
Mostram a obviedade
Da responsabilidade que temos sobre a nossa vida.

As vezes as escolhas são tão simples
Que parecem em nada alterar nossa vida
Mas podem mudar o rumo dela totalmente.

Assim como as escolhas que parecem mais cruciais
podem não mudar muito as coisas
Tanto quanto imaginávamos.

Além do que, nunca é fácil fazer uma opção
Por mais simples que pareça.

Acreditar no "lema" dos destinos traçados
Seria não crer na maior dádiva que Deus nos concedeu:
O livre arbitrio.

Porém, acreditar que apenas nós
Somos capazes de definir nossos caminhos
Seria não crer na forma maior de amor de Deus:
Designar as coisas de forma que se cumpra sua vontade,
E sejamos protegidos de todo o mal.

Deixar de acreditar em uma hipótese pra acreditar em outra
Não é errado, nem certo.

Mas creditar no poder de Deus de mudar nossas vidas
Aliados à confiança que Ele deposita em nós
Quando nos permite escolher o caminho que achamos o melhor
Pode ser a melhor opção.

Para não arriscar qual hipótese é mais válida
A melhor coisa é acreditar nas duas
Atuando diretamente sobre cada decisão que tomamos


Escolhemos o rumo que damos às nossas vidas diuturnamente
Mas não podemos deixar de acreditar
Nas "dicas" que Ele nos dá
De qual é o melhor.

Um comentário:

trovador disse...

Nossa, lindo texto! Eu pensava muito em escrever sobre o destino, mas puxa vida, você já fez isso! Nossa, incrivel como você expos o que eu sentia. Tem um ponto de vista diferente...Isso pq não sou religioso mas o sentimento eh o mesmo, acreditar nas duas coisas, que há caminhos e escolhas! Você escreve muito bem... Beijooos, au revoir o//